God save the Guns!

Sinceramente, ainda não estou convencido sobre a liberação do porte de arma. Mesmo com o lobby alucinante da indústria do armamento brasileiro, que diariamente, contrata inúmeros blogueiros, jornalistas e técnicos de Youtube especializados em convencer populações para liberar a aquisição de armas. Senhores, 99% deles ganha para isso. E o 1% está esperando aumentar seus seguidores para cobrar seu quinhão.

Prefiro acreditar que, se eu precisar recorrer a uma arma para resolver uma pendenga, é porque me tornei um caçador e não um ser compartilhador na sociedade. É como se uma violência que estivesse o tempo todo em mim, explodisse em fúria fazendo chover balas e eliminando alguém, numa saída qualquer de estádio.

Hoje os apologistas olham os EUA como a terra do bang-bang, com um romantismo de faroeste nas suas mentes, olham a nação americana com uma visão equivocada, pensando em que ter uma pistola numa prateleira em casa, a arma vai sempre estar lá e isso vai evitar confusão, vai solucionar uma pendenga. Outro equívoco. Arma no coldre vira “razão” suficiente.

Imaginemos, nos dias amargos que vivemos, três mil pessoas saindo de ônibus dos currais para servir de prostituta e defender Lula, todos devidamente armados, e garantidos por lei. E as putas partidárias espumando de prazer como se estivessem sendo tocadas nas nádegas pelo Deus Nordestino, e imediatamente, uma salva de tiros para cima descarregando os pentes de felicidade extrema, quase num orgasmo balístico. E 50 policiais fazendo a segurança do local se olhando!

Imaginemos um jogo de carta, num final de tarde num boteco, com os tchucos armados até os dentes, tudo garantido por lei. Imaginemos o policial fazendo uma abordagem simples para checagem de documento…! Como chegar no indivíduo sabendo que ele está armado? Qual a probabilidade disso dar merda?

Imaginemos o magricela azul de crack portando a sua pistola Taurus, Rossi, Colt, Walter, ou Beretta ou qualquer outra marca, andando a esmo pela cidade, passando em frente as escolas, tudo legal porque agora ele pode. Imagina como abordar um sujeito chapado! Quem faria isso? Um representante da Taurus, da Rossi? Ou um destes blogueiros contratados? E se o maluco portar o direito e esfregar na cara os policiais? Pedir desculpas?

Imaginemos a corrupção incontrolável das autoridades brasileiras na concessão deste armamento para quem não teria condições psicológicas para portar arma. Quem controlaria e quem responderia por isso? E a conta dos crimes pelo uso das armas? Quem pagaria? Quem seria o responsável.

Nos EUA, a sociedade está tão dependente da Associação Nacional do Rifle, que congrega toda a indústria do armamento (é considerado o maior lobby mundial de uma entidade sobre um país), que os pais estão esperando os jovens completarem tenra idade e poder presentear uma reluzente pistola como presente. Por isso mesmo, diariamente, meninos e meninas, professores, disciplinadores são mortos nas escolas porque o filhinho ou a filhinha resolveu dar um fim num conflito qualquer.

Imagine isso aqui no Brasil, os jovens com as mochilas carregadas de armas discutindo no recreio! Como controlar a entrada de armas pequenas nos educandários?

Se você pensa que os EUA são o país da liberdade, vai desacreditando, porque lá quem manda não é a sociedade democrática, mas o lobby das grandes organizações. O sonho americano é a maior mentira que te contaram.  Porque se tem uma coisa que arma não te dá é liberdade, pois no mínimo, você já depende dela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: