O milagre econômico de Maduro

Ao observar Nicolás Maduro, sempre que falava à imprensa ou ao povo venezuelano, me vinha uma imagem à mente. De imediato, eu via um grande papagaio vestido de ketchup com uma voz metálica tecnicamente bem postada, frases curtas, obviamente, bem treinada a proferir não palavras, mas doutrinas. Mas eu sempre percebia algo que me incomodava: pescoço curto. Não confio em pessoas com o pescoço muito curto.  Vale pro Temer isso.
Porém Maduro me surpreendeu! Para tentar melhorar o padrão de vida da população, que passa pela pior fase de toda história venezuelana, ele descobriu uma fórmula fenomenal, que já está sendo estudada por Harvard, pelo Instituto Massachusetts e até pela Nasa.
Maduro descobriu onde ficava a Casa da Moeda da República Bolivariana do abobado do Chaves. Estavam escondendo do ditador o local onde a gráfica imprimia 52 horas por dia dinheiro. Quando Maduro descobriu, só em 2016 aumentou o salário mínimo em quatro vezes. E agora, já em 2017, aumentou em mais 50% o salário do povão.
Mas, só que não…! Esqueceram de avisar para o burro da bisnaga (com perdão ao muar e ao ketchup), foice e martelo que isso faria o valor das notas diminuírem, provocando a necessidade de aumentar a produção delas.
Num aparentado espetáculo midiático, típico das tiranias institucionalizadas, provavelmente a mesma empresa de marketing de Lula, anunciou a grande saída, a grande verdade para a manada que a tudo assistia do pasto.
O salário mínimo e as aposentadorias foram elevados a 97.531 bolívares – o que equivale a…! R$ 105,60..!. Uá, uá, uá! O que você consegue comprar com isso? Estamos falando de 2017, século 21!
O cara é gênio! Gênio! Você precisa de dois hectares e meio de árvores para imprimir seis salários mínimo. Uma lenda verdadeira conta que uma criança foi comprar um picolé, levou o dinheiro num carrinho de mão, no caminho virou o carrinho pois não conseguiu empurrar com o peso, e morreu sufocado pelas milhares de notas que entraram na sua garganta.
Aí, quando os entupidos mentais, a infantaria do ignóbil estimula esse tipo de liderança, na verdade estão provocando dano à sociedade, à sustentabilidade de um país. Não são só os líderes desse tipo de podridão que devem ser eliminados da vida nacional, mas seus fuzileiros obcecados são também tão perigosos quanto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: