Tem saída sim, mas precisa vontade

Esperança! Não podemos perder este conceito de vista, pois é isso que nos faz ter razão para viver. O Brasil tem jeito, nós podemos sim reformar as estruturas, fazer uma assepsia ética nos três poderes e partir daí.

Na minha opinião, algumas coisas não poderiam estar fora da reforma que tanto precisamos. Primeiro, fim das coligações. Isso provoca uma necessidade dos partidos evoluírem, buscando soluções e treinando suas bases e elites.

Segundo, fim de reeleição para qualquer cargo público com aumento de um ano no período eletivo (cada gestão iria para cinco anos e não quatro).

Terceiro, ficha suja não pode fazer parte de partido político nenhum. Não estou falando de concorrer, estou me referindo a não poder fazer parte das bases muito menos da direção de nenhum partido político. Com isso, tira-se inclusive o título de eleitor do indivíduo porque o voto dele já não vale nada.

Quarto, acabar com a obrigação de votar. Isso tem que ser um desejo íntimo do ser social. Se ele sente que nenhuma das pessoas que estão concorrendo lhe dá confiança, não vota. Pior é votar pra qualquer um obrigado.

Quinto, ministro da Justiça não pode ser indicado por partidos políticos, nem aprovado no Congresso. Acabou! Ministros do Supremo Tribunal Federal e Eleitoral ou se submetem à votação direta, junto com a corrida presidencial, ou será votado por um Colégio especial formado por advogados, promotores e juízes.

Sexto, um só pleito para gastar menos. Sai o presidente, sai deputado federal, sai senador, sai ministro da justiça, sai governador, sai deputado estadual, prefeito, sai vereador. E ninguém volta mais a concorrer ao mesmo cargo. Aquele cargo morreu para ele.

Sétimo, eliminar a estabilidade no emprego. Este câncer trabalhista é antes de tudo, uma casamata, um castelo fortificado para uma elite rata de concurso. E passa a estimular o jovem a buscar trabalho na produção de riqueza e não na sugação hipnótica da teta pública.

Oitavo, pena mínima de 15 anos para qualquer crime de corrupção, já que fuzilar como fazem na China, ainda é meio estúpido.

Nono, acabar com os partidos anões! Eles só existem para fechar contas nas reuniões escondidas e estimular a ganância por cargos altamente rentáveis já que são responsáveis pela troca de moeda para votar leis espúrias.

Décimo, não cobiçarás as coisas alheias. Este continuará o mesmo que desceu da montanha na pedra.

Décimo primeiro, reforma da Educação. Merecemos algo melhor que este lixo que as nossas escolas empurram para as crianças. Lugar de ensinar sobre Deus é em casa e nas igrejas. E só vai piorar quando têm uns abobados aí querendo colocar o islamismo como matéria de Escola. Pensa numa bobagem! Papai e mamãe tem que sair da área de conforto. Escola não pode só formar profissionais, tem que ajudar a formar seres humanos também. Na Escola se ensina conhecimento, informação vem pela internet.

Décimo segundo, urgente novo código penal e releitura da Constituição Federal.

Décimo terceiro, acabar com a aposentadoria por função política! Isso é um edema infeccioso que está drenando a Previdência.

Décimo quarto, obrigar a União a devolver à Previdência o dinheiro que foi estrategicamente roubado dela durante anos, para fazer obras que deveriam sair de outra conta no orçamento e não da carteira de previdência do trabalhador.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: