Mulheres modernas e as homenagens

Aproveitando que vem aí mais um Dia Internacional da Mulher e usando um pouco de algo parecido com psicologia reversa, pego uma carona nessa verdadeira febre de agregar à mulher apelidos diversos. Por incrível que pareça, encontrei por aí inúmeras mulheres que gostam disso desde que ganhem dinheiro com isso, falo desse desrespeito obsceno para com o sexo feminino.

E achei então interessante divagar sobre o tema mulher moderna. Pela importância que a mídia dá à mulher-melancia, mulher-filé, mulher-moranguinho, mulher-jaca, mulher-créu, mulher-melão, mulher-todynho, mulher-cachorra e por aí vai.

Pensei! Por que não, já que estamos na terra do agronegócio, criarmos outras alcunhas para as mulheres? Bem que poderia ser mulher-salsicha, mulher-mortadela, mulher-bacon, mulher-presunto cozido, mulher-salame, mulher-copa, mulher-porco assado, mulher-radicci com bacon, mulher-galeto, mulher-asinha assada.

Os grupos musicais e as rádios locais poderiam sugerir mulher-caramelo, mulher-cerveja, mulher-bandinha, mulher-marchinha, mulher-mata a pau, mulher-filha de um tal Nicolau, mulher-Vanderléia Judite.

A italianada poderia sugerir mulher-tortéi, mulher-macarronada, mulher-formaio, mulher- truco, seis, nove, doze!, mulher-díozene, mulher-tutti in sieme, mulher-bígoli, mulher-esfregolá, mulher-grôstoli.

Os bêbados inventariam a mulher-martelinho, mulher-losna, mulher-ovo cozido, mulher-boate azul, mulher-chorasco, mulher-biter com cachaça, mulher-loira gelada, mulher-divórcio, mulher-corno, mulher-Maria da Penha, mulher-cirrose, mulher-to mal.

A comunidade germânica, por sua vez, apresentaria suas opções como mulher-altz hora da noite, mulher-fritztchê, mulher-matinezão, mulher-chopp, mulher-tripa-grossa, mulher-flashbier, mulher-enchoada, mulher-praba, mulher-polacha.

Os adolescentes contribuiriam com mulher-burguer, mulher-trago escondido dos pais, mulher-chat, mulher-face, mulher-twitter, mulher-mãe antes da hora, mulher-baseado, mulher-funk, mulher-neja, mulher-tuber, mulher-o mais rápido possível.

É tanto apelido dado à mulher que ficou bem fácil esquecer que por trás de toda mulher existe um ser humano único e arrebatador. Mas soubemos como poucos, destruir e envergonhar a criação mais perfeita de Deus. No Dia Internacional da Mulher, 8 de março, pense nisso. E mude sua atitude para com a melhor escolha do Criador. Parabéns à todas as mulheres que conseguirem resistir à essa avalanche de desrespeito e conservarem a soberania feminina e a essência acima de tudo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: