Educação Peter Pan

Crianças com 10 anos especialistas em revolução do proletariado e não sabem as quatro operações matemáticas. Crianças que voltam pra casa dizendo que vão decidir se são macho ou fêmea no fim do ensino médio. Crianças que escrevem Brasil com “Z”, que não sabem as cores da bandeira brasileira nem seus significados, crianças que não sabem as dimensões da nação de seus pais e avós, crianças que odeiam o Deus cristão mas estão abertas a todos os totens possíveis.

Crianças que contestam os pais mesmo nem sabendo ainda falar direito porque o professor lhes ensinou que devem ser “livres”, crianças que não sabem interpretar nada que não seja permitido, crianças que odeiam o trabalho na iniciativa privada e são treinadas para concurso público e emprego com estabilidade. Crianças construídas mentalmente para serem servidas e não servir.

Crianças que ouvem professores mariners prostitutas de Marx endeusarem o caos enquanto seus pais dormem na ignorância completa de quem não está nem aí, crianças que sentem vergonha de serem brasileiras e cantar o hino nacional com emoção, crianças que consideram o produtor rural um ET que vive num outro planeta da galáxia, crianças que não sabem escrever porque aprendem antes a manusear um teclado.

Crianças que comparadas com outras de outros países são como zumbis, crianças que odeiam professores conservadores como se fossem o próprio diabo, crianças que adoram um professorzinho esquerdopata que ensina uma doutrina e não ciência, crianças que entram na Universidade e permanecem eternas crianças, vivendo no País do Nunca.

Crianças que aprenderam os valores medicinais da maconha, crack, cocaína, LSD, merla, heroína… mas não sabem como lidar com os idosos e os tornam invisíveis rapidamente, crianças que acham o suor humano advindo do trabalho coisa de capitalismo selvagem. Crianças que aprenderam que seu País deve servi-las e não o contrário. Crianças que tiram o bico da boca para tripudiar a autoridade como se ela fosse sua fralda descartável.

Sinceramente, você aí, achou que isso ia mesmo dar certo? Que um país contaminado com Peter Pans Canhotos iria sobreviver a si? Sério?  Acho que sim, pelo menos para 44,87% de abobados que ainda assim votaram nesta Esquerda Podre de Si e que se alimenta de crianças.

Pode um povo odiar tanto um país? Como chegamos a isso? Forjando as crianças descritas acima. Não era metáfora: “O Comunismo come mesmo criancinhas para palitar os dentes com os adultos vindos delas”!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: