O Cafetão e as 11 concubinas

Bem, agora, oficialmente, somos uma nação de Justiça de Esquerda, ou seja, a decisão que era pedra cantada do STF sobre prisão em Segunda Instância, jogou a pá de cal sobre o que restou de dignidade e dos resquícios de uma conduta moral que nos foi repassada pelos nossos antepassados. Redesenhamos a palavra “Ordem” da nossa bandeira.
E passamos para o rol dos países onde o crime compensa, onde os meios se justificam por si, onde as ações criminosas passam a ser uma ponte, e não mais um obstáculo ao código moral vigente. Dizemos claramente às crianças, que elas estão por sua conta e risco, porque o adulto brasileiro se infantilizou ao ponto de não merecer nem mesmo procriar mais.
E assinamos com nosso próprio sangue um atestado de imbecilidade e insanidade. Estendemos um tapete vermelho ao crime, calamos a voz do guerreiro dentro de nós para nos tornarmos pelegos de máfias com “boas intenções”. Reconstruímos um Muro de Berlim Canhoto na alma brasileira.
O dano está feito, e o golpe final foi justamente dado pelo STF contratado a peso de ouro pela Esquerda enquanto no poder. Amarramos as mãos do nosso futuro enquanto nação e seguimos agora a procissão dos estropiados mentais, de países com cultura de Terceiro Mundo.
O crime enfim virou cultura! É oficial! Somos uma nação dividida: 57,7% do eleitor Conservador está na rua da amargura, enquanto que 44,87% do eleitor de Esquerda está exultando de felicidade. No meio disso tudo, uma nação passa vergonha mais uma vez diante da opinião mundial e mostra que viemos mesmo para destruir a civilização.
O Cafetão conseguiu, contratou 11 concubinas poderosas, deu-lhes uma toga e elas agiram com verdeiro furor sexual ao disseminar Doenças Sexualmente Transmissíveis na ética brasileira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: