A Porta dos Fundos… Do Inferno!

Em tempos em que a falta de limite moral virou febre
E os filhos da Educação Capeta saíram a cuspir maldições
Até o crucificado, morto e sepultado pela estupidez humana
Foi cuspido e escarrado por uma piazada de bosta
E ficou como o diabo gosta o escárnio, a ironia
Numa noite fria em que a inteligência deu lugar ao insano
Enquanto, no ano, um país celebrava o nascimento de Jesus Cristo
Eis que o Brasil de Esquerda ainda tinha outro prego guardado na língua
Não bastou, não, sua ordinária história política decadente
Tinha que haver algo mais indecente como cereja do monturo
E entre muros, repetindo os romanos que cuspiram no Filho pregado na cruz
Surge mais saliva, agora na boca de uma corja de marmanjos sem lei
E o Filho de Deus, ainda criança na manjedoura
Passou a ser símbolo de uma cruzada sexista politicamente correta
O Menino Jesus – o Rei – virou apenas mais um gay
E todos ficaram em silêncio, um país cristão se acovardou
A própria lei protegeu a Produtora do Satã, mas não a ofensa ao Filho
Cuspimos em Deus, cuspimos no Filho novamente, agora ainda menino

Perdão, meu Deus, perdão! Acho mesmo que não temos mais jeito
Não merecemos seu amor, porque como nação somos a antessala do vil
Somos a escória de um país que um Frankenstein reformou
Matamos a nação de nossos pais e criamos no seu lugar uma arena romana
Enquanto procuramos incendiários transtornados pela ofensa
Tratamos o Filho de Deus, aquele que mudou o mundo
Como um vagabundo, um animal vadio que se chuta pra longe
Eis o que restou da moral canhota, era isso que sempre se quis
Que dentro da nossa alma, matássemos o Brasil que recebemos
E surgisse no seu lugar outros, vários outros vis Brasis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: